quarta-feira, 25 de junho de 2008

1 ano.



Conhecendo a minha personalidade, um ano de qualquer projeto equivale a uma década. A persistência com certeza não é uma virtude minha. Já tive um blog que durou três postagens e outro que não passou de 15 minutos de empolgação. Sob o pretexto de uma ferramenta para melhor minha escrita precária, criei mais um blog.

Estava na aula, mas a idéia que há alguns minutos estava na minha cabeça me trazia uma urgência de um problema não resolvido há anos.

Então me avancei no computador livre e iniciei a gestação desse espaço. Nome? Imagino que dar nome a um filho seja mais fácil que nomear um blog. Queria algo ousado e inteligente, mas o tempo era curto. Então em 43 segundos de reflexão coloquei o primeiro trocadilho que me surgiu e já engatei a primeira postagem. Simples, feia, mal feita e de uma indignação juvenil. A segunda já foi com mais dificuldade. Mas a partir daí a coisa foi engrenando.

Os leitores foram chegando... Muitos por amizade com certeza. O engraçado dos leitores por amizade é que o comentário é sempre o mesmo: “Muito bom teu blog, depois deixo um comentário”. Eu entendo. É para não perder a amizade. As vezes faço isso também.

Momentos criativos, outras dramáticos e outros nulos. No mês que tinha mais tempo livre acabei silenciando. Não por querer, mas por um bloqueio criativo que era sintoma dos erros que vinha cometendo: subverter minhas convicções.

Foi um ano que demorou a passar. Poucas postagens, mas sempre com o melhor de mim. Meus textos podem não ser bons, mas carregam toda a minha devoção, pelo menos durante os minutos que me dedico a eles.

O OpiniãOposta me trouxe muitas coisas boas. Me ajudou a pensar na vida, aprimorar a minha forma de exposição de uma idéia, além de ser um ótimo passatempo. Também devo ressaltar que através dele conheci muitas pessoas legais. Não pessoalmente, mas por muitas conversas via MSN e comentários.

Hoje sou mais cético, realista, apaixonado e idealista. Pode parecer contraditório, mas para mim faz o maior sentido. Por isso, agradeço a todos que pelo menos passaram por este espaço digital durante esse 1 ano. Vocês contribuíram para uma evolução pessoal!

4 comentários:

Claudia Carpo disse...

Iê! 1 ano de blog é muita coisa.
E sua escrita não é precária, muito pelo contrário.
Também tenho que fazer isso, criar um blog novo. Mas parece que os bloqueios nessa hora são mais normais do que eu pensava. Hehe
Parabéns :)

Jorjão disse...

Parabens pelo seu 1 ano!
Que se trsansforme em 10, 20, 40 anos...
abração a vc

Caroline Kleinübing disse...

guri!
adorei!
feliz 1 ano coleguinha.
mas e meu template?
bjo e saudade da vizinhança e dos "bons papos".
=p

jana Moraes disse...

Um ano?
Meu Deus...
O meu vai completar 4 meses em agosto...
Parabens atrasado pelo seu blog.
Muito bom...
Posso linka-lo na Maçã?

Passa na Maçã

e confira as últimas novidades.

Novo layout.

Blue Moon atualizado.

E tudo mais que vc só encontra

na Maçã...

http://macacomlimao.blogspot.com